Penacova inaugura "Espaço J" (Jovem) - PENACOVA ACTUAL

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

14 de março de 2013

Penacova inaugura "Espaço J" (Jovem)


Os jovens do concelho de Penacova terão um espaço inteiramente dedicado a si. Humberto Oliveira, presidente do município de Penacova, inaugurou hoje, na Biblioteca Municipal, o “Espaço J”. Criado com o objetivo de servir a população jovem do concelho, com idades compreendidas entre os 12 e os 30 anos, o “Espaço J” visa não só a criação de oportunidades iguais no que diz respeito ao acesso à informação, como também a existência de um local onde se possa proporcionar o encontro entre jovens para troca de ideias e experiências, desenvolver atividades e realizar os projetos. O “Espaço J” disponibiliza, igualmente, informação sobre programas e iniciativas desenvolvidas pela Câmara Municipal de Penacova e outras entidades, e promove atividades lúdicas, pedagógicas e culturais.

Como refere Fernanda Veiga, vereadora da Cultura, o “Espaço J” oferece um conjunto de serviços que tentam ir de encontro às necessidades dos jovens e diversas atividades, de caráter regular ou pontual que se realizam normalmente no período de férias. Utilizando software livre, o “Espaço J” dispõe de: zona de leitura e convívio; zona polivalente para ações formativas e atividades lúdicas e culturais; 10 computadores com acesso gratuito à internet;  consolas; tablet; CD´s, Dvd´s, livros e revistas.


O projeto “Espaço Jovem” foi um dos 15 premiados, a nível nacional, pela Fundação Calouste Gulbenkian que, todos os anos promove projetos de promoção da leitura em bibliotecas públicas, que aproximem o livro dos potenciais leitores, criando uma relação entre as ações a desenvolver e o público-alvo, transformando-o em sujeito ativo, procurando formar leitores e diminuir, a médio e longo prazo, os níveis de iliteracia, bem como projetos que estimulem a introdução de novas ferramentas de leitura em práticas de promoção, desenvolvimento e consolidação de hábitos de leitura no universo do público utilizador das bibliotecas públicas. As Bibliotecas contempladas pela Fundação Calouste Gulbenkian foram Beja, Penacova, Coimbra, Mértola, Alandroal, Vouzela, Felgueiras, Fundação Mário Soares, Gouveia, Batalha, Guarda, Vila Franca de Xira, Maia, Odivelas e Benavente.

NI/MP

Sem comentários:

Enviar um comentário

Leia as regras:

1 - Todos os comentários são lidos e tendencialmente moderados.
2 - Os comentários ofensivos não serão publicados.
3 - Os comentários apenas refletem a opinião dos seus autores.