DETIDO em Penacova por posse de armas



Um homem de 48 anos, residente numa localidade do concelho de Penacova, foi ontem detido por posse ilegal de armas, no âmbito de uma operação desencadeada pela GNR, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIFC) do destacamento Territorial de Coimbra.

Segundo apurámos, a investigação começou em Dezembro do ano passado, na sequência de queixas decorrentes de atitudes menos “simpáticas” do indivíduo, que poderão configurar uma situação de crime de ameaça. “Constou-se”, também, na altura, que o suspeito tinha em seu poder armas em situação ilegal, ou seja, sem os necessários documentos de autorização ou licenças.

As investigações começaram e ontem os militares do NIC foram à procura das armas, munidos com os necessários mandados de buscas. Uma operação que decorreu durante a manhã, envolvendo a habitação onde reside o suspeito, no concelho de Penacova, bem como duas viaturas que habitualmente utiliza.

O resultado final não deixou dúvidas aos investigadores do NIC, que procederam à detenção do suspeito e à apreensão de uma arma de uso veterinário, usada para abater animais e cuja posse carece de uma autorização especial, reservada aos profissionais da área. O homem tinha também uma pistola de calibre 6,35mm, um sabre com um aspecto já antigo, uma catana e munições de diversos calibres, sem esquecer uma lata de gás pimenta.

O suspeito foi interrogado pela GNR, um vez que o procurador do Ministério Público entender não ser necessário ouvi-lo, foi constituído arguido por posse ilegal de arma e encontra-se com termo de identidade e residência. As investigações, da responsabilidade do NIC do Destacamento Territorial da GNR de Coimbra vão continuar, no sentido de averiguar a procedência das armas que o arguido tinha em seu poder, bem como o uso que delas faria, nomeadamente no que concerne a eventuais situações de ameaça que pudesse ter protagonizado.

Texto originalmente publicado ma edição impressa do Diário de Coimbra de 09.04.2014

  etiquetas