ESTATÍSTICA - Estradas do distrito de Coimbra com mais acidentes desde o início do ano - PENACOVA ACTUAL

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

25 de janeiro de 2016

ESTATÍSTICA - Estradas do distrito de Coimbra com mais acidentes desde o início do ano



O condutor de um veículo pesado morreu na manhã do dia 10 de janeiro na sequência de um despiste, na zona de Penacova, que levou ao corte do IP3 no sentido Coimbra/Viseu. A vítima tinha 62 anos e residia em Maiorca, na Figueira da Foz.

Este acidente levou a que as estradas do distrito de Coimbra registassem uma vítima mortal nos primeiros 15 dias do ano. Em igual período do ano passado não houve qualquer morto.

Os dados disponibilizados pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) revelam ainda que houve mais acidentes (247) do que em 2015 (208) e o mesmo número de feridos graves (três).
Em duas semanas as autoridades registram, a nível nacional, 1.545 feridos leves (1.343 em 2015) e um total de 5.654 acidentes.

Quando analisados, no distrito de Coimbra, os dados no período de um ano em relação às vítimas mortais, regista-se um grande decréscimo. Entre 16 janeiro de 2015 e 15 de janeiro de 2016 houve 22 mortos e no mesmo período, mas entre 2014 e 2015 as vítimas mortais foram 41.

Recorde-se que os acidentes rodoviários aumentaram quase 5% em 2015 face ao ano anterior, registando-se 122.800 desastres, que provocaram 478 mortos, menos quatro que em 2014, anunciou a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR).

No ano passado registaram-se 122.800 acidentes de viação, 478 vítimas mortais, 2.206 feridos graves e 37.958 feridos ligeiros.

Rute Melo | Diário As Beiras