ENTREVISTA - Ricardo Simões fala à Comarca de Arganil sobre a próxima Gala do Desporto - PENACOVA ACTUAL

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

17 de março de 2016

ENTREVISTA - Ricardo Simões fala à Comarca de Arganil sobre a próxima Gala do Desporto

É no próximo sábado, 19, Dia do Pai, pelas 21.45 horas, no Centro Cultural de Penacova, que o Município vai organizar mais uma Gala do Desporto, a sexta edição, na qual vão ser galardoados as associações desportivas, atletas, dirigentes que mais se distinguiram durante um ano. Do programa também tem constado o reconhecimento a uma entidade, tal como este ano vai acontecer, aliás. 


Aproximando-se mais uma Gala do Desporto, que balanço faz, como responsável do pelouro desta área concelhia, dos progressos que têm sido feitos nos últimos anos?

Os últimos anos têm sido de profunda viragem no plano do desporto do concelho e da oferta que procuramos todos os dias criar e melhorar. Desde logo associámos o conceito de desporto ao de vida saudável e ao de qualidade de vida, fazendo incidir as potencialidades naturais e únicas do concelho Penacova e gerando daí sinergias diferenciadoras que marcam novos ângulos na oferta desportiva e atraem já um núme­ro substancial de visitantes.

Para além disso, importa sublinhar que registamos um aumento do número de atletas federados, principalmente atletas femininas federadas, um aumento do números de modalidades, atualmente com mais de uma dezena. Por vezes, há quem tenda a achar que o desporto deve ser feito apenas para uma faixa etária da população, ignorando que é essencial estendê-la a toda a comunidade. Estamos cientes de que as políticas públicas devem abranger a generalidade dos cidadãos. Por isso promovemos, com muito bons resultados, atividades para a comunidade sénior, como é o caso do nosso programa de gerontomotricidade, que temos vindo a fomentar nas IPSS’S do concelho. As diversas as­sociações es­pelhadas pelo nosso território têm tido um trabalho determinante na prática de várias modalidades, incluindo as não federadas, como a ginástica acrobática, o zumba, a ginástica de manutenção, entre muitas outras.

Considera que, em relação a um passado recente, em termos desportivos, abarcando associações federadas ou não, os resulta­dos podem ser considerados positivos?

O balanço é extremamente positivo e isto tem sido reconhecido por muitas entidades dentro e fora do concelho. Veja que temos entre nós vários campeões nacionais e regionais – tanto a nível individual, como coletivo. Mas, relativamente, a este assunto o mais importante é formação de jovens atletas preparando-os para a sua vida futura. Também aqui colocamos no centro do nosso empenho a promoção de hábitos de vida saudável para toda a população.

Quais as démarches que a Câmara Municipal desenvolveu para estar orgulhosa por, desde há uns anos a esta parte, conseguir os objectivos que se propôs?

A este nível, há que entender que é essencial toda uma construção de métodos que tornem a ação do município clara, efetiva e transparente. Por isso arregaçámos as mangas e envolvemos várias pessoas na mudança do regulamento do apoio às associações desportivas. Acompanhámos essa mudança com um aumento significativo dos valores atribuídos e tendo sempre por base o apoio à formação e ao aparecimento de novas modalidades. O município fez um outro esforço adicional e passou a conceder a isenção do pagamento de taxas aos atletas federados do concelho na utilização dos espaços desportivos municipais, como as piscinas municipais, o pavilhão municipal e o ginásio.

Julga que já tudo foi feito ou, pelo contrário, falta ainda muito para fazer?

Neste Executivo municipal não nos acomodamos com o que já foi feito e entendemos sempre que há muito mais para fazer, construindo o progresso e abraçando novos desafios. Por isso nos sentimos tão estimulados a trabalhar no dia-a-dia. Pretendemos criar novos espaços ao ar livre para a prática do desporto e promover continuamente hábitos de vida saudável. Temos em mente um programa de atividade física para os jardins-de-infância do concelho, em parceria com o agrupamento de escolas – estando este projeto na sua fase embrionária. Estamos empenhados em dar apoio às associações na elaboração de candidaturas ao IPDJ e aos fundos comunitários, para que possam criar melhores condições aos seus atletas, ou seja, trabalhamos com as instituições, em parceria, para que os resultados sejam melhores e o resultado seja o melhor em favor dos cidadãos. Estamos a trabalhar na criação de uma bolsa para apoio a atletas do concelho de Penacova ou residentes, que integrem a seleção nacio­nal ou participem em competições internacionais. Isto são apenas alguns eixos em que estamos a trabalhar, mas há muito mais…

Certamente que a Gala do Desporto, por cada prémio atribuído, é uma forma de pagar, através de simples gesto, o esforço dos atletas e dos dirigentes associati­vos? Não existem outros incentivos pelo meio?

A atribuição de galardões é um pequeno gesto ao esforço dos atletas, dirigentes e pais pelos sucessos alcançados e que muito dignificam a nossa terra. É um gesto que não visa recompensar nem pagar o que quer que seja. Visa apenas juntar, agregar, valo­rizar e prestar reconhecimento ao esforço, motivação e empenho daqueles que abnegadamente intervêm no desporto. Por isso é justíssima uma palavra de apreço às associações que tanto contribuem para os sucessos alcançados e a sua disponibilidade para estes sejam uma realidade. Mas também é justo sublinhar o papel dos pais, que são um suporte fundamental para que os atletas consigam atingir os seus objetivos.

Em vésperas de tão grande e salutar acontecimento, que mensagem deixa através de A COMARCA DE ARGANIL?

Estamos muito felizes por ver que tanta gente e tantas instituições reconhecem que temos vindo a encetar os melhores esforços para tornar Penacova uma terra melhor para se viver, criando hábitos de vida saudáveis e promovendo o seu território, tendo o desporto de natureza, e na natureza, uma alavanca para o seu desenvolvimento. Isto motiva-nos a continuar e a seguir ao lado dos cidadãos, ouvindo-os, respeitando -os e colocando-os no centro das nossas prioridades, para que este concelho fantástico seja o melhor sítio para todos e cada um de nós.


José Travassos de Vasconcelos - A Comarca de Arganil