VISITA - Caldas de Penacova mostra-se a técnicos da PIMBIS - PENACOVA ACTUAL
PUB

ÚLTIMAS

PUB

Post Top Ad

15 de abril de 2016

VISITA - Caldas de Penacova mostra-se a técnicos da PIMBIS



Admiração e (talvez) surpresa por estarem numa das mais modernas empresas portuguesas eram reações bem visíveis no rosto do grupo que ontem visitou a empresa Água Caldas de Penacova.

A visita do grupo de técnicos portugueses, da Namíbia, da Indonésia e dos EUA aparece integrada na realização do seminário PIMBIS 2016, que decorre pela primeira vez em Portugal.

PIMBIS é uma importante iniciativa que promove a riqueza do setor mineiro em todo o mundo. Realizado em Lisboa, pela direção geral de Energia e Geologia, este encontro - que decorre na FIL - procurou promover outros recursos naturais como a água mineral que pode ser usada nas termas - daí uma visita às Termas de S. Pedro do Sul - ou para consumo humano - daí a visita às Águas Caldas e Penacova.

“O evento decorreu em 2015 no Canadá, altura em que Portugal foi desafiado a realizar o encontro sobre o setor”, explicou […], Carla Lourenço, da direção geral de Energia e Geologia que considera o PIMBIS uma oportunidade para potenciar novos caminhos disponíveis neste setor.

Sendo a água mineral um bem disponível no nosso país que a direção geral de Energia e Geologia entende que deve ser promovido e divulgado o seminário integrou uma visita às Águas Caldas de Penacova, a única empresa convidada a apresentar-se na FIL em Lisboa. 

Uma apresentação simples que mostrou todo o percurso de mais de duas décadas de existência e que provou o sucesso duma empresa que continua a crescer a todos os níveis. Seja na capacidade de produção e armazenamento – com 12 depósitos e um novo edifício -, seja na capacidade de exportação. É de sublinhar que neste momento a empresa tem oito milhões e meio de litros em stock.

Na visita, ontem à fábrica de Penacova, os visitantes não escondiam a admiração pela alta tecnologia utilizada na fábrica em todas as áreas.


Urbano Marques era um anfitreão satisfeito pois mostrou - embora a empresa já não precisa de provar nada - que “com muito trabalho e investimentos estratégicos se pode construir uma empresa de sucesso no país e no mundo”.

Eduarda Macário - Diário As Beiras

Post Top Ad