A DECO {IN} Forma os consumidores seniores em épocas de saldos

Nos dias correntes, os seniores assumem um papel mais relevante e ativo na sociedade.


Os indivíduos entre os 50 e os 75 anos representam o grupo de consumidores mais numerosos da União Europeia, que têm à sua disposição mais tempo disponível e menos encargos. A compra em épocas de saldos é sempre bastante aliciante. Enquanto o comerciante aproveita para escoar, de um modo acelerado os seus produtos, o consumidor poderá adquirir um produto lhe faz falta a um custo mais reduzido, sendo uma excelente época para adquirir bens a preços acessíveis. Não ignorando os benefícios que resultam de uma redução de preços, devemos ter em conta que a mesma constitui uma armadilha para aqueles que em razão da sua idade, ou em situações de vulnerabilidade acabam por fazer compras por impulsos.

Devemos ter atenção a algumas dicas de compra adequadas a todas as épocas, mas especialmente neste períodos, há que prestar mais cuidado a nomeadamente:
  • todos os produtos devem exibir, de forma legível e inequívoca, o preço anterior e o preço promocional;
  • é obrigatório que o comerciante disponibilize o talão com os artigos discriminados e o respetivo preço. A DECO aconselha a guardar o talão.
  • as lojas têm de aceitar os mesmos meios de pagamento antes e durante os saldos.
Não nos podemos esquecer que caso o artigo não apresente defeito, o comerciante não é obrigado a trocar os artigos vendidos, a não ser que o talão indique essa possibilidade.

Com o objetivo de auxiliar, formar e informar os seniores e cuidadores com mais de 50 anos a DECO-Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor ministra, em vários pontos do país, o Workshop “Saber comprar: critérios de escolhas acertadas” no âmbito da Campanha “Sénior +Ativo: consumidor informado/consumidor protegido ”, com o apoio do Fundo para a Promoção dos Direitos dos Consumidores.

Se estiver interessado em participar poderá contactar a Delegação Regional de Coimbra, que lhe dará todas as informações necessárias.

Melanie Magalhães - DECO Coimbra

Os leitores interessados em obter esclarecimentos relacionados com o Direito do Consumo, bem como apresentar eventuais problemas ou situações, podem recorrer à DECO, bastando, para isso, escreverem para DECO – Gabinete de Apoio ao Consumidor – Rua Padre Estêvão Cabral, 79-5º, Sala 504-3000-317 Coimbra.

  etiquetas , , ,