FUTEBOL DISTRITAL - Antevisão dos jogos da Divisão de Honra e da 1ª Divisão Distrital



O título “Líder Condeixa entra em campo a saber o que fazer” parece meio óbvio pois o natural é que quem lidera saiba sempre o que fazer e de que forma o fazer para continuar no topo da tabela classificativa, neste caso, da Divisão de Honra da AFC. Mas a verdade é que as palavras ganham sentido no facto do Condeixa só entrar em campo às 18h00 de amanhã e já saber, de facto, quais os resultados dos seus adversários directos e ter a noção se, diante do Vigor (9.º) pode ou não aumentar a vantagem sobre os perseguidores directos.

Uma “vantagem” dirão alguns, para outros será, certamente, uma “pressão adicional” mas o que é também certo é que Oliveira do Hospital e Sourense podem ver os condeixenses entrarem em campo já com a liderança partilhada. A formação oliveirense tem, a partir das 15h00 desta ronda 19 da competição, uma tarefa teoricamente mais facilitada em relação ao Sourense pois recebe o Eirense que é 6.º classificado. Contudo, os cuidados não deverão ser poucos para os comandados de Cláudio Garcia pois os “azuis-e-brancos” de Eiras não perdem há quatro jogos e já venceram no Campo Vale do Fôjo o Sourense por 2-1.

Os pupilos de Rafael Silva, por seu turno, têm teste de alto calibre no Campo António Coelho Rodrigues onde recebem o 4.º classificado Ançã. Ao contrário do adversário dos oliveirenses, o Ançã até tem um melhor registo como forasteiro do que enquanto anfitrião tendo vencido seis dos seus nove jogos como visitante. Contudo, e para não perder o “norte” do topo, a formação de Soure tem a defesa menos batida da prova e assim deverá querer continuar.

Na expectativa de qualquer deslize do Ançã para se aproximar do “top 4” está o Penelense que recebe o Poiares (13.º) que ainda não registou qualquer triunfo fora de casa e apenas pontuou por duas vezes nessa condição.

Na Pampilhosa da Serra, os locais procuram aproveitar a difícil deslocação do Eirense para chegarem ao 6.º posto só que recebem o União FC que é o 8.º classificado e tem crescido na segunda volta da prova.

Também na expectativa de que o Vigor não pontue em Condeixa, o Vinha da Rainha vai ao terreno do Lousanense (14.º) com a ânsia de firmar posição no “top 8” da prova. O Febres (12.º) visita o reduto do lanterna vermelha Sepins com a meta de triunfar para sair da cauda da tabela e o mesmo objectivo tem o Tocha (11.º) no terreno do Pereira (penúltimo).

1ª Divisão Distrital - Lagares da Beira e Arganil em luta acesa

A vitória do Arganil sobre o líder Lagares da Beira, no seu reduto, deu um novo alento aos arganilenses na luta pelo topo. Nesta 18.ª jornada da 1.ª Divisão Distrital AFC, que se realiza a partir das 15h00 de amanhã, o vice-líder recebe o Moinhos (5.º) com a expectativa de vencer e esperar que no reduto do Góis o “rei” Lagares da Beira não consiga fazer o mesmo. Por parte do Atlético, recebe uma formação moinhense que não vence há dois jogos sendo que, por outro lado, os lagarenses vão ao terreno dos serranos que estão há quatro encontros seguidos a triunfar.

A seis e sete pontos do duo da frente está o Marialvas que recebe o Arouce Praia, lanterna vermelha da competição, com todo o favoritismo e “quase obrigação” de vencer. No Campo de Mualdes, o Real local (7.º) é visitado pelo Águias (4.º) e quererá dar uma palavra no sonho da subida que já está pontualmente distante.


André Freixo - Diário de Coimbra





  etiquetas , , ,