FUTEBOL - União FC volta a “roubar” pontos a candidato à subida



Um jogo pobre tecnicamente, com poucas oportunidades, só podia terminar sem golos. E assim foi, ontem à tarde, em Oliveira do Hospital, com o União FC, Penacova, a provar que tem queda para roubar pontos aos candidatos à subida. Depois de já ter ganho em Soure, os comandados de Tó Miranda, à semelhança da primeira volta, voltaram a travar os oliveirenses, que face a este desfecho caíram para a 3.ª posição atrás do Condeixa e do agora líder isolado Sourense.

A jogar perante os seus adeptos, competia aos pupilos de Cláudio Garcia assumirem mais riscos, só que a desinspiração colectiva foi praticamente generalizada e apesar da maior intenção ofensiva foram escassas as ocasiões para marcar. Num jogo em que as defesas superaram os ataques, em que faltaram rasgos ofensivos de parte a parte, a chuva também não ajudou.

Luã, aos 9’, após um lance rápido pelo lado direito ainda procurou assustar, mas nem ele, nem Guti de livre directo, nem Ailton foram capazes de fazer a diferença na finalização perante um adversário que apostou em jogar com as linhas mais recuadas e a procurar diminuir o ritmo do desafio.

Pinto Nunes, que viu os anfitriões reclamarem um penálti no fim por suposta mão de Marcos mas mandou seguir, não exibiu qualquer cartão.

Guti sofreu lesão grave

Além do resultado não ser o mais desejado, o Ol. Hospital teve outra má notícia, pois o “capitão” Guti, ao minuto 65, sofreu uma grave lesão no joelho direito e corre o risco de não voltar a jogar esta temporada. 

  etiquetas , ,