IP3 - Ministro discute falta de investimento com autarcas de Viseu e Coimbra Penacova Actual PENACOVA ACTUAL - Jornal de Penacova

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

IP3 - Ministro discute falta de investimento com autarcas de Viseu e Coimbra


Os presidentes das câmaras de Viseu e Coimbra, Almeida Henriques e Manuel Machado, respectivamente, solicitaram uma audiência ao ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, para discutir a nova ligação entre as duas cidades e a falta de investimento no IP3. A revelação foi feita pelo autarca viseense, que ontem voltou a criticar o estado em que se encontra a via que liga as duas capitais de distrito.

Almeida Henriques defendeu intervenções urgentes ao nível da sinalização horizontal e vertical e também no piso. «Os remendos que foram colocados ainda pioraram o pavimento», constatou o edil, acrescentando, que faltam reflectores nos separadores em betão e que ainda não foram substituídos os sinais destruí- dos pelos incêndios florestais de 15 e 16 de Outubro. «Não se nota onde foram investidos os três milhões de euros anunciados pela Infraestruturas de Portugal», criticou o autarca.

«Quem conhece a estrada tem dificuldades em circular, principalmente à noite e com chuva e nevoeiro, quem não conhece tem ainda mais problemas. É a estrada da morte e de todos os perigos», lamentou.

Almeida Henriques acredita que a requalificação do IP3 tem vindo a ser adiada à espera que se avance com a construção de uma nova ligação.

Esta semana, a Câmara de Tondela aprovou, por unanimidade, uma moção a pedir a requalificação do IP3, que tem cerca de 72 quilómetros e é «diariamente atravessado por quase duas dezenas de milhar de veículos».

A moção alerta para os «muitos pontos críticos» do IP3, como «o troço entre Canas de Santa Maria/Valverde e Tondela (construído como variante a Tondela), onde durante a quadra natalícia ocorreram três acidentes graves, que causaram um morto e mais de uma dezena de feridos».

«A necessidade de intervenção nesta via vem sendo reconhecida por todas as forças políticas, ao considerarem que se trata de uma obra prioritária em termos de infraestruturas da rede viária», refere o documento.

José Fonseca - Diário de Coimbra

Sem comentários:

Enviar um comentário

Leia as regras:

1 - Os comentários ofensivos não serão publicados.
2 - Os comentários apenas refletem a opinião dos seus autores.