EXPOSIÇÃO - "Carnaval em Penacova" recordado na Biblioteca Municipal Penacova Actual PENACOVA ACTUAL - Jornal de Penacova

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

EXPOSIÇÃO - "Carnaval em Penacova" recordado na Biblioteca Municipal


No âmbito do ano europeu do património cultural está patente até dia 28 de fevereiro, na Biblioteca Municipal de Penacova, uma exposição intitulada “Carnaval em Penacova”. Aqui é possível ver os mascarados, o funil para colocar pulhas, apupos ou passajolas, os caçoilos e as telhas para as cacadas ou caqueiradas e os cheirotes; o nabo para os badalos e o boi de palha, touro ou boi toirão. Vários homens disfarçavam-se de boi corpulento, através de uma armação em madeira, tapada com colchas vermelhas ou serapilheira e palha e andavam pelas ruas a assustar as pessoas. Segundo contam as pessoas idosas, a execução era tão bem feita que até aos mais crescidos assustava e ainda agora se lembram do medo suscitado na altura.

Também não falta o enterro do entrudo. Um boneco de palha, vestido com roupa velha, que era transportado pelas ruas e as pessoas se iam juntando, fazendo um cortejo. O “Entrudo” era depois queimado ou deitado ao rio, enquanto que as pessoas que o acompanhavam gritavam e “choravam”, simbolizando o enterro da época de alegria como é a época carnavalesca.

Faz-se também menção ao “assurriar”, um uso que ainda se mantêm no concelho de Penacova e tem as suas reminiscências no povo celta, em que estes pretendiam “engrandecer” o cavalo, objeto do seu culto. Melhor se compreenderá esta justificação, já que “assurriar” consiste num grito que se assemelha ao relinchar do cavalo.

É possível nesta exposição consultar notícias do carnaval em Penacova, na imprensa local já desaparecida, nomeadamente: Jornal de Penacova, Notícias de Penacova e Nova Esperança.


Sem comentários:

Enviar um comentário


Leia as regras:

1 - Os comentários ofensivos não serão publicados.
2 - Os comentários apenas refletem a opinião dos seus autores.